Para uma melhor experiência por favor altere o seu navegador google CHROME, o FIREFOX, o OPERA ou o Internet Explorer.
Carros Dodge Charger 

Dodge Charger R/T 1978

R$240.000

Descrição
Preço : R$240.000
Tipo : Venda
Data : 31/08/2020
Ano : 1978
Cor : Azul
KM : 67452
Transm. : Manual
Motor : 5200
Comb. : Gasolina
Opcionais : Aceito Troca,Bancos em Couro,Chave Cópia,Direção Hidraulica,,,,,,
Localização : Bento Gonsalves, Rio Grande do Sul

Dodge Charger R/T 1978/1978 na cor Azul Capri com Vinil Branco. Veículo em excelente estado de conservação sendo um Charger R/T de plaqueta (LP23 e motor 318P), exaltando a bela cor Azul Capri, interior preto em excelente estado, antena elétrica funcionando, assim como luzes auxiliares da ignição e porta malas. Esta unidade ainda conta com belas rodas Magnum calçadas com pneus BF Goodrich 215/60 R15 na dianteira e 235/60 R15 na traseira, assim como as chaves reservas.

O começo da década de 70, foi marcada pele efervescência na indústria nacional. A sensação de prosperidade no período fez com que cada vez mais opções de carros surgissem e grandes montadoras americanas começavam a construir modelos em solo brasileiro. Assim como a GM fez com o Opala no Brasil em 1968, a Chrysler trouxe o Dodge Dart para se estabelecer por aqui no ano seguinte. As semelhanças não param por aí, ambas lançaram inicialmente a versão quatro portas de seus respectivos carros para, em seguida, lançar a versão coupê. Em outubro de 1970, a Chrysler adicionava a os coupês à linha Dart e, em novembro daquele ano eram lançados o LS e a esportiva R/T, já como modelos do ano seguinte. Ambos pegavam emprestado a alcunha de um modelo diferente e maior, o Dodge Charger R/T americano. O Charger R/T, por toda uma geração povoou o imaginário dos amantes de carros.

O Charger R/T 1978 manteve o mesmo motor 318pol3 V8 de 5.212 cm3, com 208 cv de potência a 4.400 RPM (chegou a ter 215 cv, mas foi reduzida por conta da diminuição da taxa de compressão de 8,4:1 para 7,5:1, possibilitando o uso de qualquer tipo de gasolina da época). Além disso, o V8 318 do Dodge entregava incríveis 42 kgfm de torque a 2.400 rpm, ou seja, uma monstruosidade de torque ainda em baixas rotações.

A caixa de câmbio é uma Clark, manual de quatro velocidades, com alavanca no console central, com engates muito suaves e precisos.

*As informações compartilhadas neste espaço são de responsabilidade do anunciante.

 


Avaliar

Anúncios Similares
Topo